EXERCÍCIO DIVINO DOS MESTRES E EXERCÍCIOS RESPIRATÓRIOS DE CURA

EXERCÍCIO DIVINO DOS MESTRES E EXERCÍCIOS RESPIRATÓRIOS DE CURA

Por Conceição Trucom

EXERCÍCIO DIVINO DOS MESTRES

O EXERCÍCIO DIVINO DOS MESTRES FAZ PARTE DE UMA SÉRIE DE EXERCÍCIOS DE UMA PRÁTICA MILENAR DE MEDITAÇÃO CHAMADA ‘DIVINE HEALING MEDITATION’ (MEDITAÇÃO DIVINA DE CURA). TAL PRÁTICA ERA OCULTA E PRATICADA SOMENTE POR MESTRES DO ORIENTE.

NESTA NOVA ERA, ÉPOCA EM QUE TODAS AS CIÊNCIAS OCULTAS ESTÃO À DISPOSIÇÃO DE TODOS, ESTE DIVINO TRABALHO DE RESPIRAÇÃO E HARMONIZAÇÃO CORPORAL TAMBÉM FICOU LIBERADO.

APRENDI E PRATIQUEI ESTES EXERCÍCIOS DURANTE UMA VIAGEM QUE FIZ PARA A ÍNDIA EM 1998 E TÊM, ATÉ HOJE, ME CAUSADO RESULTADOS MUITO POSITIVOS.

O CONJUNTO ENVOLVE EXERCÍCIOS RESPIRATÓRIOS E MOVIMENTOS CORPORAIS, E PROVOCAM IMEDIATO RELAXAMENTO E HARMONIZAÇÃO ENERGÉTICA.

UM FATO CURIOSO É QUE, AO INICIAR MEUS ESTUDOS E PRÁTICA COM OS EXERCÍCIOS CEREBRAIS - UMA DINÂMICA CORPORAL QUE SURGIU NO FINAL DOS ANOS 50 - PUDE PERCEBER QUE ESTES EXERCÍCIOS DIVINOS DE CURA TÊM MUITO EM COMUM.

DESTACO AQUI O EXERCÍCIO "DIVINO DOS MESTRES", QUE LEVEI UM BOM TEMPO PESQUISANDO SOBRE OS MOTIVOS DE SER “DOS MESTRES” E TÃO PODEROSO, APESAR DE SIMPLES.

BEM, O FATO DE SER MUITO SIMPLES JÁ É UMA BOA RESPOSTA.

MAS, ATÉ ONDE CONSEGUI PESQUISAR, ESTE EXERCÍCIO TRABALHA:

1) O CHACRA DO CORAÇÃO ATRAVÉS DA INTENSA IRRIGAÇÃO DE TODOS OS CHACRAS SECUNDÁRIOS, LOCALIZADOS NOS OMBROS, BRAÇOS, MÃOS E DEDOS.

2) INTENSA LUBRIFICAÇÃO E MOBILIZAÇÃO DOS CHACRAS DA AÇÃO (OU CHACRAS DO TRABALHO, SEGUNDO O FAMOSO RADIESTESISTA MANOEL MATTOS), LOCALIZADOS NOS OMBROS, NA ARTICULAÇÃO DOS BRAÇOS COM O TRONCO. TAL MOBILIZAÇÃO TEM COMO PRINCIPAL CONSEQUÊNCIA A LIBERAÇÃO DO INDIVÍDUO PARA AS AÇÕES ESTREITAMENTE SINTONIZADAS COM O CORAÇÃO. ASSIM, BLOQUEIOS PARA AS AÇÕES DE REALIZAÇÃO SÃO DISSOLVIDOS.

3) PROCRASTINAÇÕES, ADIAMENTOS, MEDOS, INSEGURANÇAS E INDECISÕES, ALÉM DE PROBLEMAS FÍSICOS COM O CORAÇÃO, ARTICULAÇÕES, BRAÇOS E MÃOS.

VAMOS À PRÁTICA

RECOMENDA-SE PRATICÁ-LO POR 10 MINUTOS (NEM MAIS, NEM MENOS) PELA MANHÃ AO AR LIVRE OU DE FRENTE PARA UMA JANELA ABERTA. PROCURE ESTAR NUM AMBIENTE SILENCIOSO E CALMO.

SE DESEJAR, E FOR POSSÍVEL, COLOQUE UM RELÓGIO NA SUA FRENTE PARA EVITAR A PREOCUPAÇÃO COM O TEMPO.

ROUPA LEVE E SOLTA, PÉS DESCALÇOS, PERNAS ABERTAS NA LARGURA DOS QUADRIS, JOELHOS LEVEMENTE FLEXIONADOS, QUADRIL ENCAIXADO, COLUNA ERETA, BRAÇOS NATURALMENTE SOLTOS NA LATERAL DO CORPO. ROSTO E OMBROS RELAXADOS, MAXILARES SOLTOS. ENFIM, POSTURA CONFORTÁVEL E RELAXADA.

INICIE O MOVIMENTO DE PENDULAR OS BRAÇOS AO LADO DO CORPO. NESTE INÍCIO EXISTE UMA INTENÇÃO DE PROVOCAR O MOVIMENTO. ENTRETANTO, LOGO NOS PRIMEIROS SEGUNDOS, PERMITA QUE O PRÓPRIO MOVIMENTO PENDULAR SUSTENTE O LIVRE IR E VIR DOS BRAÇOS.

OS OLHOS PODEM FICAR FECHADOS OU CONTEMPLATIVOS, MAS NÃO SE DISTRAIA COM O AMBIENTE EXTERNO.

AOS 2-3 MINUTOS JÁ É POSSÍVEL PERCEBER O FORTE FLUXO SANGUÍNEO E ENERGÉTICO NOS BRAÇOS E MÃOS. AS MÃOS CHEGAM MESMO A FICAREM PESADAS E SURGE UMA SENSAÇÃO DE QUE AS MÃOS ESTÃO QUENTES E MAIORES.

RESPIRE:

INALAÇÃO: BALANCE OS BRAÇOS PARA CIMA LATERALMENTE AO CORPO.

EXPIRAÇÃO: BALANCE OS BRAÇOS PARA BAIXO (E LEVEMENTE PARA TRÁS) LATERALMENTE AO CORPO.

BEM, DEPOIS DESTA PRÁTICA, QUE É MATINAL, O DIA ACONTECERÁ, CERTO?

OBSERVE QUE MUITAS AÇÕES ADIADAS COMEÇARÃO A SE MANIFESTAREM. SÓ QUE ESTAS AÇÕES, POR ESTAREM CONECTADAS COM O CORAÇÃO, TRARÃO ALEGRIA, SENSAÇÃO DE SUPERAÇÃO E REALIZAÇÃO.

O IDEAL É PRATICAR ESTA MEDITAÇÃO POR UM MÍNIMO DE 30 DIAS SEGUIDOS.

ÁGUA MOLE EM PEDRA DURA, TANTO BATE ATÉ QUE FURA!

 

EXERCÍCIOS RESPIRATÓRIOS DE CURA

ESTA SÉRIE DE 7 EXERCÍCIOS RESPIRATÓRIOS SÃO PARTE INTEGRANTE DA MEDITAÇÃO CHAMADA “MEDITAÇÃO DIVINA DE CURA”. ELES DEVEM SER REALIZADOS COMO ABERTURA DA MEDITAÇÃO QUANDO CUMPREM VÁRIOS PAPÉIS, ENTRE ELES O DE ALONGAR, EXPANDIR PULMÕES, LIGAR (INTEGRAR) OS 2 HEMISFÉRIOS DO CÉREBRO (HEMISFÉRIOS DIREITO CRIATIVO E HEMISFÉRIO ESQUERDO RACIONAL) E CRIAR UMA CÚPULA MAGNÉTICA DE PROTEÇÃO DA AURA.

O CONJUNTO ENVOLVE, ALÉM DESTES EXERCÍCIOS RESPIRATÓRIOS, OS MOVIMENTOS CORPORAIS, QUE PROVOCAM IMEDIATO RELAXAMENTO, ALÉM DE MOBILIZAÇÃO E HARMONIZAÇÃO ENERGÉTICA.

VAMOS À PRÁTICA

RECOMENDA-SE PRATICÁ-LOS SEMPRE PELA MANHÃ AO AR LIVRE OU DE FRENTE PARA UMA JANELA ABERTA. PROCURE ESTAR NUM AMBIENTE SILENCIOSO E CALMO.

USE ROUPA LEVE E SOLTA, PÉS DESCALÇOS, PERNAS ABERTAS NA LARGURA DOS QUADRIS, JOELHOS LEVEMENTE FLEXIONADOS, QUADRIL ENCAIXADO, COLUNA ERETA, BRAÇOS NATURALMENTE SOLTOS NA LATERAL DO CORPO. ROSTO E OMBROS RELAXADOS, MAXILARES SOLTOS. ENFIM, POSTURA CONFORTÁVEL E RELAXADA.

OS OLHOS PODEM FICAR FECHADOS OU CONTEMPLATIVOS, MAS NÃO SE DISTRAIA COM O AMBIENTE EXTERNO.

CADA EXERCÍCIO DEVE SER REPETIDO POR 3 VEZES, DE FORMA CALMA E ATENTA.

O IDEAL É PRATICAR ESTA MEDITAÇÃO SEMPRE PELA MANHÃ E POR UM MÍNIMO DE 30 DIAS SEGUIDOS. SAIR DE CASA COM OS CIRCUITOS CEREBRAIS LIGADOS E A AURA PROTEGIDA É MUITO SÁBIO E SAUDÁVEL, CERTO? APÓS 30 DIAS A PESSOA JÁ DEVERÁ TER CRIADO UM MECANISMO MAIS AUTOMÁTICO DE DEFESA ENERGÉTICA. CASO CONTRÁRIO, SIGA PRATICANDO, PELO MENOS QUANDO FOR TRANSITAR EM AMBIENTES MAIS PESADOS OU DOENTIOS.

EXERCÍCIO 1: FECHANDO O CIRCUITO

INALAR: ENLAÇAR OS DEDOS DE TAL FORMA QUE AS PONTAS (PARTE CARNUDA) DAS 2 MÃOS SE ENCOSTEM, PARA FECHAR OS CIRCUITOS. ERGUER AS MÃOS SOBRE A CABEÇA (MANTER PERTO DA CABEÇA). SEMPRE TENTAR SEPARAR AS MÃOS, COMO TESTANDO A FORÇA DE SELAGEM DESTE CIRCUITO, MAS NÃO SOLTÁ-LAS.

EXALAR: BAIXAR OS BRAÇOS, MANTENDO AS MÃOS ENLAÇADAS PELOS DEDOS.

EXERCÍCIO 2: DELIMITAR CAMPO ENERGÉTICO (AURA)

INALAR: PALMAS DAS MÃOS PARA CIMA, PONTAS DOS DEDOS ENCOSTADOS. INICIAR DO QUADRIL E IR ERGUENDO AS MÃOS ATÉ O MÁXIMO ACIMA DA CABEÇA.

EXALAR: SEPARAR ALONGANDO OS BRAÇOS. BAIXAR LATERALMENTE COM AS PALMAS DAS MÃOS PARA BAIXO.

 

EXERCÍCIO 3: CAPTAR ENERGIA CÓSMICA E LEVAR AO CORAÇÃO

INALAR: ERGUER OS BRAÇOS LATERALMENTE COMO TRAÇANDO UM CÍRCULO EM TORNO DO CORAÇÃO. QUANDO CHEGAR AO TOPO, MANTER MÃOS UNIDAS EM POSIÇÃO DE ORAÇÃO, MAS ACIMA DA CABEÇA.

EXALAR: PRESSIONANDO PALMAS DAS MÃOS JUNTAS, BAIXAR E MANTER EM FRENTE AO CARDÍACO. APONTAR (E TOCAR) DEDOS POLEGARES PARA O CORAÇÃO.

 

EXERCÍCIO 4: LAQUEANDO A AURA

INALAR: PALMAS DAS MÃOS PARA CIMA. ERGUÊ-LAS JUNTAS DESDE O QUADRIL ATÉ ALTURA DOS OMBROS. SEPARAR MÃOS LATERALMENTE, ALONGANDO, COMO SE ESTIVESSE AFASTANDO PAREDES, REPRESENTANDO O LIMITE DO ESPAÇO QUE SUA AURA OCUPA.

EXALAR: RELAXAR MÃOS E BRAÇOS E BAIXAR LATERALMENTE.

 

EXERCÍCIO 5: INTERAGINDO COM A ENERGIA TELÚRICA E CÓSMICA

INALAR: PALMA DA MÃO DIREITA PARA CIMA APONTANDO O CÉU, PALMA DA MÃO ESQUERDA PARA BAIXO, APONTANDO A TERRA. ALONGAR OS BRAÇOS COMO TENTANDO "SEPARAR O CÉU DA TERRA".

EXALAR: INVERTER POSIÇÃO DOS BRAÇOS.

 

EXERCÍCIO 6: NUTRIÇÃO E FLEXIBILIDADE

INALAR: BRAÇOS RELAXADOS NA LATERAL DO CORPO.

EXALAR: BRAÇO ESQUERDO BAIXADO, DIREITO ERGUIDO. PALMAS IDEM. TORCER O TRONCO ATÉ ENXERGAR O CALCANHAR OPOSTO. REPETIR INVERTENDO OS BRAÇOS E O SENTIDO DE ROTAÇÃO.

 

EXERCÍCIO 7: REPETIR POR 3 VEZES SEGUIDAS.

INALAR: JOELHOS LEVEMENTE FLEXIONADOS. PALMAS DAS MÃOS JUNTAS PARA CIMA, ERGUER DESDE O QUADRIL E NO TOPO DA CABEÇA ABRIR BRAÇOS, INCLINANDO A COLUNA LEVEMENTE PARA TRÁS (ABRINDO O CARDÍACO).

EXALAR: BAIXAR E RELAXAR BRAÇOS E OMBROS.

Conceição Trucom é química, cientista, palestrante e escritorasobre temas voltados para a Alimentação Natural,bem-estar e qualidade de vida.

www.docelimao.com.br

http://www.conexaoparaoeudivino.com/práticas-e-estudos/práticas/


Contacto

Acessando a Divina Luz - Falando Sobre Saude